A televisão me deixou burro demais

Não sou um tipo de pessoa cordata e complacente com a manipulação que os meios de comunicação de massa fazem com as pessoas que, teoricamente, são as que mais precisam de informação clara e bem explicada sobre o que acontece no mundo e com o mundo.

alienacao-dalcio-180811-humor-politicoInfelizmente, o que vejo na TV aberta, em sua grande maioria, são notícias sensacionalistas que prendem a atenção das pessoas da forma mais torpe e inconcebível. Notícias que só mostram casos de violência como se fossem a única coisa que acontece nesse país. As pessoas não percebem que por trás do corajoso combate contra a criminalidade, está um profissional covarde e sem ética, devidamente pautado pela emissora que busca somente aumentar sua audiência.

Charge - 28-06-08

Os programas de auditório também estão lastimáveis. Atualmente só mostram a dança do passinho, do quadradinho e outros “inhos” que surgem por aí. Há até aqueles que acham que “essas meninas representam toda a criatividade e espontaneidade de uma parte de nosso país”. Acredite se quiser…

Está certo que vivemos num país livre, no qual cada um pode ter sua opinião, por mais absurda que seja. Paciência… Não tenho nada contra dança nenhuma. Cada um dance o que quiser, desde que não seja para mim.  Só penso que além de valorizar a este tipo de dança, a TV deveria incentivar às pessoas ao trabalho honesto. Concordam?

As novelas mostram muitos preconceitos arraigados, onde o negro tem sempre que ser pobre ou bandido e a empregada doméstica, nordestina.

Não poderia deixar de falar, é claro, dos reality shows, uma praga mundial, que mostram bundas e gente retardada, um espetáculo de culto ao corpo e desprezo às ideias.

É claro que cada um pode assistir e gostar do que quiser. Se isso a fizer uma pessoa mais feliz, respeito. O problema é que, infelizmente, as pessoas não tem filtro e preferem ficar diante de algo que não precisam pensar. É por isso que os programas nesses canais populares não mudam: há quem os assistam.

Anúncios

About claudiadamatta

Professora na Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) nos cursos de graduação e pós-graduação. Coordenadora do Núcleo de Educação a Distância - NEaD. Também coordena os trabalhos de conclusão de curso do Instituto de Sistemas Elétricos e Energia (ISEE). É especialista em design instrucional. Possui experiência em Design Instrucional, atuando principalmente nos seguintes temas: planejamento de cursos virtuais, estudo das novas tecnologias da informação e comunicação e mídias para EaD. Possui graduação em Ciência da Computação e mestrado em Engenharia Eletrônica e Computação pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s